Translate

Trigésimo Dia- A vida Vai além de tudo que se possa conquistar!


Nesse ultimo dia de Jejum, venho declarar um momento de dor. Um amigo e irmão perderam hoje sua filha que nasceu prematura. Fico pensando na dor que isso representa.

Uma mãe não tem outro bem maior do que seu filho. Não existe ouro, ou prata, que possa substituir um amor como esse. Um dia perguntei a minha irmã quem ela amava mais, se era nossa mãe ou seu filho, meu sobrinho? Ela respondeu com tanta força que era o João seu filho.

Que amor é esse? Não se pode explicar esse amor. De onde vem tanto amor?
Quando falamos em mudança de historia, na hora o que me vem é vida financeira, mudança de sorte.

Fico pensando no que deus quis ensinar a Jó quando ele perdeu tudo o que tinha dinheiro bens, perdeu tudo. E quando ele descobre o segredo, Deus mudou sua vida e sua historia. Não era economizar, poupar, jogar na mega sena, tudo o que ele precisava era orar pelos seus irmãos.

A palavra diz que Deus amou o mundo de tal maneira que deu seu filho, inocente, único, perfeito, filho do seu amor, para morrer por pessoas que não merecem, e que não são perfeitas, mas que amou.

Deus hoje me seu o verdadeiro sentido da minha vida.
Não são carros ou mansões, muito dinheiro. Nada disso eu preciso.

Deus me deu muito e o que preciso é amar o próximo como a mim mesmo. Deixar de pensar somente nos meus prazeres.

Quantas vezes, briguei, fiquei triste, magoado por traições de pessoas ingratas e guardei rancor no coração. Mas o que é tudo isso diante do dom da vida. A oportunidade de viver.

Fico pensando nesse pai que daria tudo para que sua filha vivesse e estivesse em seus braços, mas que agora está distante.

Quanto vale uma vida? Quanto Vale uma alma. Quanto vale um abraço.

Preciso amar mais, não preciso de mais nada. E que Deus faça comigo que tiver vontade. Seus pensamentos são mais altos do que os meus.

Aprendi muito nesses 30 dias, mas quero que ele continue me ensinando a caminhar por esse caminho de amor pelas almas. Pois isso sim não será roubado. O resto a traça destrói a ferrugem corroem, o ladrão vem e pode roubar. Mas aqueles que são salvos, jamais sofreram a dor da segunda morte.

Com grande tristeza e pesar, me encerro por aqui, pedindo a deus que conforte o coração dessa família, e que me ensine amar mais, seu filhos e filhas em todas as nações.

Obrigado, até aqui nos ajudou o Senhor!


Deixo uma musica linda que me acalmou!


3 comentários:

Heitor Lima disse...

Olá, Will!
Gostei muito do seu blog.
Posts abençoadores.
Sinto mto pelo que aconteceu :x
Deus é Pai Consolador.
Amo essa canção do Diante do Trono *.*
Abraço, amigo.
Deus continue te abençoando muito.

Saudações e parabéns pelo blog!

Anônimo disse...